• Rua Marielle Franco

       

      Mais de 18.000 placas da Rua Marielle Franco já foram produzidas desde que tentaram destruir essa homenagem.

       

      1 ano depois, vamos levar as placas para todos os cantos e mostrar que a Mari é do tamanho do mundo!

    • Baixe a arte

      Clique no botão para fazer download da arte original.

    • Peça para uma gráfica a preço de custo

      Clique no botão para encomendar na sua cidade. Deslize para o lado para mais gráficas.

    • Não encontrou uma gráfica perto de você?

      Estamos cadastrando gráficas em outras cidades que topem produzir a preço de custo.

      Se você tem uma ou conhece alguém que tenha, cadastre aqui.

    • Mapa das Placas

      Veja por onde as placas estão espalhadas pelo mundo.

      Clique no botão abaixo do mapa para cadastrar a sua.

      (Você pode colocar o endereço exato ou só o bairro onde ela está)

      Acesse a plataforma Florescer por Marielle e conheça mais homenagens e formas de agir.

    • Por que placas para Marielle?

      A primeira placa de Rua Marielle Franco foi colocada como homenagem na Praça da Cinelândia, onde fica a Câmara de Vereadores, espaço político que a Marielle ocupava quando foi assassinada.

      Durante as eleições, um candidato a deputado quebrou a homenagem durante um comício.

       

      Em resposta a esse desrespeito, o site Sensacionalista lançou uma campanha de financiamento coletivo para produzir 1000 novas placas que foram distribuídas na Cinelândia.

       

      Depois disso mais de 18.000 placas foram produzidas e espalhadas pelo mundo.
       

      Marielle Franco era mulher, negra, lésbica e favelada. Foi Vereadora pelo PSOL do Rio de Janeiro, e foi assassinada no dia 14 de março de 2018. Sua vida e sua morte são um símbolo da luta e da resistência das mulheres, da população negra, LGBT e favelada.